sexta-feira, 19 de junho de 2009

Amontoado

Praticamente todos os meus amigos estudantes de jornalismo estão estafados, chateados e meio de saco cheio. Isso porque essa foi a semana de provas do bimestre...

... e porque, na quarta-feira, aprovaram uma lei onde o diploma para jornalistas deixou de ser exigido. Todo mundo ficou confuso, meio desanimado, desiludido. É como se todo um esforço carteiral $$$ e intelectual estivesse sendo desnecessário... Ok, pode ser exagero, na verdade nem acho que vá mudar muita coisa, afinal muitas profissões não exigem diploma...

Quinta, enquanto fazíamos uma prova cabulosa, alguém, no meio do silêncio, soltou "ae gente.. só pra lembrar que o que vocês estão fazendo aí, agora é inútil! ;)"... Ouvi muitos "meus pais querem repensar minha faculdade", "EU quero repensar a faculdade", "Tô pensando em colocar jornalista no currículo... afinal...", "Jornalistas? Yes we can! Yes we ALL can!", "Calma gente.. se nada der certo... a gente vira jornalista!"...

Ah.. sei lá, esse papo de diploma me deixou mais desestimulada do que nunca, ainda mais por ver as declarações imbecis que gente como o amigo Gilmar Mendes deu. Os jornalistas foram comparados a cozinheiros e estilistas no que diz respeito ao diploma... não é desmerecer uma profissão ou outra... é só saber que são exercícios totalmente diferentes... Pra mim isso soa como vingancinha, alfinetadinha na imprensa que tanto inferniza a vida desses políticos idiotas, intriguinha querendo dizer "viu como vocês são nada?"

teve um jornalista que disse no Jornal da Globo, na quarta, que acabamos de passar de uma categoria para um amontoado. É bem isso.

3 comentários:

Viviane H. Laubé disse...

Fomos desvalorizados na cara larga. Mas é diante dessa situação que sesaberá quem é jornalista de verdade e quem está brincando de ser!

renan disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
renan disse...

Acho que vcs não devem se preocupar a menos que não sintam-se seguras o suficiente para concorrer com um amontoado de desendiplomados. ;D
ah, beijo fê!amo vc \o/